O que é o ficheiro SAFT

Tendo sido inicialmente pensado e implementado pela autoridade tributária o ficheiro SAFT-PT rapidamente se tornou num ficheiro normalizado entre os software de faturação em Portugal, facilitando assim a migração de softwares de faturação. No UEBON não é excepção como maioria dos programas de faturação, é muito simples migrar a sua informação através do ficheiro SAFT-PT.

O ficheiro SAFT-PT (abreviatura para “Standard Audit File for Tax Purposes – Portuguese Version”) é um ficheiro que, num formato normalizado xml, agrega a informação documental tributária mais relevante de uma empresa, podendo ser mensal ou anual.

O ficheiro, contém a seguinte informação:

· Identificação da empresa;
· Identificação dos Clientes e Fornecedores;
· Identificação de Produtos e Serviços vendidos;
· Documentos de venda fiscalmente relevantes: Factura, Factura Simplificada, Factura-recibo, Nota de Débito e Nota de Crédito;
· Recibos emitidos a clientes(Exigibilidade de Iva de Caixa);
· Documentos de transporte;
· Documentos de conferência: Consultas de mesa ou orçamentos, por exemplo.

“Mas disseram-me que apenas incluíam os documentos de venda”.

Erradamente muita gente ouviu falar ou dizer que apenas os documentos como faturas ou notas de crédito entre outros seriam incluídos, mas não é a verdade. Na verdade o conteúdo do ficheiro SAFT-PT, vai mais além do que aquilo que é exigido na comunicação das faturas mensais á Autoridade Tributária, no entanto a mesma garante que apenas filtra os dados que estritamente necessários.

Como prova disso, a Autoridade Tributária aceita versões mais simplificadas, cujas denominamos no UEBON por SAFT-PT Simplificado onde contém menos informação do que no denominado no UEBON por SAFT-PT Global.

A Autoridade Tributária disponibiliza diversas ferramentas para validação do SAFT tal como podem verificar aqui.

Caso tenha alguma dúvida, não hesite em nos contactar pelos canais habituais.

Suporte UEBON